Rua Edmilson Pinheiro, 150, Autódromo, Eusébio - Ceará, 61760-000 | 85 3260-5145
prefeitura@eusebio.ce.gov.br

Notícias

Agentes de Endemias de Eusébio receberão treinamento sobre controle de escorpiões

sexta-feira | 10/08/2018

A Prefeitura de Eusébio, através da Secretaria de Saúde, realiza nos dias 13 e 14 próximos, uma capacitação sobre prevenção e controle de escorpiões. A capacitação será realizada por intermédio do Núcleo de Controle de Vetores da Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde (Nuvet/Coprom), da Secretaria de Saúde do Estado.

De acordo com o coordenador do Departamento de Endemias da Secretaria de Saúde do Município, Iones Ferreira, o treinamento servirá também para que os agentes possam se prevenir contra acidentes com esses animais nas visitas realizadas em terrenos baldios e demais imóveis. “Os temas escolhidos vão ajudar os profissionais a prestar melhores orientações aos moradores, sempre que necessário, durante as visitas de campo”, pontua.

Segundo o secretário de Saúde de Eusébio, Mario Lúcio, mesmo evitáveis, os acidentes por animais peçonhentos, foram incluídos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na lista das doenças tropicais negligenciadas que acometem, na maioria dos casos, populações em áreas urbanas e rurais. Ele observa que a incidência ocorre na maioria dos municípios do Estado em decorrência, ainda, das chuvas que banharam o Ceará este ano. “Estamos fazendo nossa parte e os agentes capacitados multiplicarão o aprendizado com os demais profissionais,” destacou.

O prefeito Acilon Gonçalves pontua que a melhor forma de evitar acidentes é adotar medidas de prevenção. “Por isso é fundamental manter a casa e a área ao redor limpas, uma vez que o lixo e entulhos podem servir de abrigo para muitos destes animais. Também é importante ficar atento à limpeza de armários, já que ambientes escuros e úmidos servem de esconderijos para aranhas e escorpiões. Vedar frestas e buracos em paredes, assoalhos, forros, meias-canas e rodapé, além de utilizar telas e vedantes em portas, janelas e ralos, são outras formas de evitar a presença dos animais peçonhentos. Moradores que atuam na agricultura não podem deixar de usar luvas e botas ao entrar em matas ou plantações”, aconselha o gestor municipal.