Rua Edmilson Pinheiro, 150, Autódromo, Eusébio - Ceará, 61760-000 | 85 3260-5145
prefeitura@eusebio.ce.gov.br

Notícias

Jovens da Escola da Promoção da Vida participam da Coleta Seletiva do Eusébio

quarta-feira | 12/02/2020

Os jovens que integram a Escola da Promoção da Vida que estagiaram seis meses de 2019 na Autarquia Municipal de Meio Ambiente e Controle (AMMA) nos setores de educação ambiental, controle urbano, recepção e fiscalização, agora passarão seis meses recebendo o aprendizado no setor de Coleta Seletiva. Os chamados Agentes Jovens Ambientais estão participando do sistema de coleta e seleção de materiais eletrônicos no Galpão de Coleta Seletiva do município, no bairro Santa Clara.

Em apenas 8 dias de trabalho, os jovens já separaram 5 quilos de parafusos, porcas e arruelas, 80 quilos de materiais recicláveis e 200 não recicláveis. O material será comercializado com empresas locais e o recurso será destinado para os integrantes da Associação das Catadoras e Catadores de Resíduos Sólidos do Eusébio (ACCEU). “Estamos neste ano ampliando o raio de ação da coleta seletiva e recebendo também material reciclável eletrônico, que tem um bom valor de mercado”, ressalta.

A coordenadora de Coleta Seletiva, Jaíres Lima, destaca que esse tipo de material também é chamado de e-lixo, e se refere a todo equipamento (eletrônico ou eletrodoméstico) que já não funciona ou está obsoleto e, consequentemente, é descartado. “A coleta desse material é fundamental para a vida no planeta devido ao crescimento do consumo em escala mundial. Caso o ritmo atual continue acelerado como está, teremos que lidar com milhões de toneladas de lixo eletrônico em breve”, avalia.

Já a coordenadora de Educação Ambiental, Stela Barros, observa que há um mercado em ascensão na reciclagem desse material, “é a chamada manufatura reversa. Como o próprio nome sugere, tal processo consiste na coleta e no desmonte desses equipamentos, seguindo o caminho oposto ao de fabricação. Com as peças devidamente separadas, torna-se possível dar a correta destinação a cada tipo de componente dos aparelhos”, comenta.

O prefeito Acilon Gonçalves destaca que a ampliação da coleta de Eusébio para os materiais eletrônicos, além de reduzir os riscos de contaminação do meio ambiente, pois esse tipo de material pode ser extremamente perigoso, visto que entre seus componentes estão metais tóxicos e contaminantes, pode ser bastante lucrativo para os catadores. “É possível, em alguns casos, reciclar e reutilizar até 100% dos materiais de um equipamento. A participação dos Agentes Jovens Ambientais na etapa de desmonte dos aparelhos,que é feita manualmente, vem dar mais qualidade na separação colaborando significativamente com o nosso sistema”, conclui.