Rua Edmilson Pinheiro, 150, Autódromo, Eusébio - Ceará, 61760-000 | 85 3260-5145
prefeitura@eusebio.ce.gov.br

Notícias

Prefeitura de Eusébio consegue passarelas de pedestres na BR-116 para o Jabuti e Santo Antônio

terça-feira | 09/01/2018

O prefeito Acilon Gonçalves e o deputado estadual Bruno Gonçalves estiveram reunidos, nesta segunda-feira, com o superintendente regional do DNIT no Ceará, Diógenes Linhares e técnicos, quando trataram de obras realizadas pelo departamento no município. Conforme o prefeito Acilon Gonçalves, o encontro serviu para verificar o cronograma das obras da passarela do Jabuti Km 20, da passarela do Santo Antônio, ambas na BR-116, e o do sistema de abastecimento de água do bairro Jabuti.

Conforme o deputado Bruno Gonçalves a superintendência do DNIT solicitou a Prefeitura que realize uma audiência com a população do Santo Antônio para ver a melhor localização da passarela de pedestres, que possibilitará a travessia segura dos moradores daquela localidade na BR-116. “Já no Jabuti, a maior demanda é a água. A obra está emperrada no DNIT, que não permite que a pista da rodovia seja quebrada, portanto ela tem que liberar a obra subterrânea, pelo processo não destrutivo, para que os canos possam chegar da adutora até as casas das pessoas”, destacou.

Ele observou que a obra de abastecimento de água do Jabuti deverá ser prioridade da Cagece nesse período. “O projeto está na fila para ser a próxima liberação da Cagece. Em 15 dias o projeto deverá estar sendo avaliado pela procuradoria do órgão, para que seja liberado. Pensando de forma pessimista, creio que entre os dias 10 a 15 de março as obras possam ser retomadas”, disse Bruno.

O prefeito Acilon Gonçalves destacou também a obra da passarela do Jabuti Km 20, que segundo ele, hoje é uma das maiores demandas daquela comunidade. Na reunião com o DNIT, o órgão mostrou vários protocolos encaminhados a ENEL (antiga Coelce) para que desloque a rede elétrica para que a passarela possa ser erguida. “Estamos com uma reunião marcada com a Enel para fazer a solicitação para que o serviço de deslocamento da rede ocorra o mais breve possível, pois estamos tratando de um bem maior que é a vida humana”, destacou.

Acilon observou que tanto a questão da água no Jabuti, como as passarelas são realidades e em breve estarão em execução após o destravamento dos processos. “Não vamos deixar essas obras paradas. Estamos com todo cronograma de execução dessas obras em mãos e vamos cobrar para sejam abreviadas. Nosso trabalho é servir bem ao povo do Eusébio. Viemos aqui cobrar agilidade nos processos para que as comunidades não continuem sendo prejudicadas. Estamos em alerta em defesa da população”, concluiu.