Rua Edmilson Pinheiro, 150, Autódromo, Eusébio - Ceará, 61760-000 | 85 3260-5145
prefeitura@eusebio.ce.gov.br

Notícias

Prefeitura de Eusébio e Iteva capacitam idosos em Construções Sustentáveis

quarta-feira | 11/12/2019

A Prefeitura de Eusébio está proporcionando às pessoas da terceira idade uma oportunidade de continuarem ativas e produtivas. Em parceria com o Instituto Tecnológico e Vocacional Avançado (Iteva), foi possível oportunizar o desenvolvimento socioeconômico e a melhoria na qualidade de vida de pessoas a partir de 60 anos através do Projeto Construcom. Eles foram qualificados em um curso de Edificações e Processos Construtivos Sustentáveis, utilizando o tijolo solo-cimento e inovações técnicas e procedimentais. Contribuindo com os direitos de oportunidade de trabalho, profissionalização.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Social, Michele Queiroz, o curso foi totalmente gratuito, com duração de 6 meses. “Após o aprendizado, o aluno agora poderá abrir seu próprio negócio com apoio da Prefeitura e do Iteva. Nesse processo também trabalhamos atividades para o fortalecimento de vínculos não só entre os participantes, mas em favor de uma melhor convivência junto às suas famílias e à comunidade”, destaca.

Ela pontua ainda, que as atividades respeitaram as condições físicas, intelectuais e psíquicas de cada participante, assegurando assim, oportunidades e facilidades para preservação da saúde física e mental e o aperfeiçoamento moral, intelectual e social deles, em condições de dignidade e respeito.

O Iteva o apresentou o projeto ao Conselho Municipal dos Direitos do Idoso (CMDI) de Eusébio, que aprovou sua implantação. Com isso o Instituto foi buscar recursos nas empresas, que acreditam na capacidade de trabalho desta faixa etária. E pelas características inovadoras e de impacto do projeto Construcom, as seguintes empresas decidiram apoiar a proposta: Telefônica Fundação; Vivo; Atacadão; Celo; Leroy Merlin; Microsoft; Getnet; Schneider Eletric; Stoller e Pardini.

Segundo o prefeito Acilon Gonçalves, na segunda etapa do curso, que acontecerá por todo o início de 2020, o programa habitacional Piloto vai construir 20 casas com recursos da Prefeitura e do Iteva, com a participação dos idosos. “Tratam-se das práticas produtivas como forma de aplicar em campo as habilidades e competências apreendidas”, frisou. 

Ele pontua, que  além de trabalhar a autoestima das pessoas da terceira idade, o projeto possibilitou, aos mesmos, acesso a novos conhecimentos, com a manutenção da atividade mental e física, que são fatores que retardam o envelhecimento. Além disso foram estimulados às novidades e a ampliação dos horizontes, o que têm lhes renovado o ânimo e a vontade de viver.