Rua Edmilson Pinheiro, 150, Autódromo, Eusébio - Ceará, 61760-000 | 85 3260-5145
prefeitura@eusebio.ce.gov.br

Notícias

Professores de Eusébio participam da final de concurso de contadores de história

terça-feira | 05/12/2017

Três professores de Eusébio participam da grande final do Concurso Cultural “Catadores de Histórias: Contadores de Sonhos”, realizado pela Hokma – Treinamento, Arte e Cultura, realizado com o apoio das prefeituras de Eusébio e São Gonçalo do Amarante e da Enel Distribuidora de Energia do Ceará. Foram selecionadas as professoras Sergiane de Souza Santos (Escola Eduardo Alves Ramos); Francisca Jucicarla Mesquita Rodrigues (Escola do Cararu) e Ednir Moreira de Souza (Escola Josefa Sá).

A final do concurso acontecerá nessa quarta-feira, dia 6, às 13h30min, no Teatro SESC Emiliano Queiroz, em Fortaleza. O Concurso Cultural “Catadores de Histórias: Contadores de Sonhos” é um projeto que visa fomentar a prática da leitura e da contação de histórias nas escolas públicas da rede municipal de ensino.

Segundo a secretária de Educação de Eusébio, Goretti Martins, como ação cultural, o concurso estimula a leitura, a contação de histórias, o contato com o mundo da literatura infantil e infanto-juvenil de forma lúdica e interativa, repassando técnicas e noções básicas de contação de histórias para professores da rede municipal de ensino. “Este projeto veio se unir ao projeto Vem Ler Comigo, ampliando conhecimento e desenvolvendo a escrita, o falar e o escrever dos nossos alunos”, observou Goretti.

Segundo a professora Liane Frota, que acompanhou o desenvolvimento do projeto em Eusébio. Os desenvolvedores do projeto da Hokma – Treinamento, Arte e Cultura, visitaram as seis escolas do município que participaram do concurso – Josefa Sá, Cararu, Eduardo Alves, Guaribas, Otoni Sá e Elisbão Pio. Nessa visita eles apresentaram uma peça teatral e entregaram um acervo com 200 livros para a sala de multimeios de cada escola. “Em sala de aula as professores desenvolveram, com os alunos, trabalhos com os livros doados”.

Segundo Liane, os alunos escolheram as melhores histórias e contaram em sala de aula para os colegas. “A melhor história de cada classe foi então apropriada pela professora da turma que passou a contá-la para toda a escola. A melhor contadora então foi escolhida para participar da final do município, em

evento realizado no dia 29 de novembro, quando foram escolhidas as três melhores para representar o Eusébio na final com os professores do município de São Gonçalo do Amarante”, detalhou.

O prefeito Acilon Gonçalves, a contação de histórias é uma ferramenta importante para que o professor estabeleça com o aluno um clima de cumplicidade que os remete à época dos antigos contadores que, ao redor do fogo, contavam a uma plateia atenta às histórias, costumes e valores do seu povo. “A plateia não se reúne mais em volta do fogo, mas, nas escolas, os contadores de história são os professores, elo entre o aluno e o livro”, compara. Para ele, o Eusébio, que já estimula o ato da leitura com o projeto “Vem Ler Comigo”, poderá utilizar também das inúmeras possibilidades que o uso da contação de histórias em sala de aula propicia. “Além de as histórias divertirem, elas atingem outros objetivos, como educar, instruir, socializar, desenvolver a inteligência e a sensibilidade”, concluiu.